Como organizar sua agenda médica sem complicação?

agenda médica

Uma agenda médica organizada tem como resultado um consultório funcionando adequadamente, pacientes sendo bem atendidos e um médico conseguindo conciliar seus compromissos pessoais e profissionais. Com algumas práticas eficientes, essa organização pode ser mais fácil, melhorando o desempenho do médico e do consultório e, consequentemente, deixando os pacientes mais satisfeitos. Quer organizar a sua agenda médica, mas não sabe por onde começar? Confira as nossas dicas:

Defina bem o tempo das consultas

Existem vários tipos de pacientes, o que faz cada consulta diferente da outra. Apesar disso, é possível definir quanto dura em média cada tipo de consulta, seja ela a primeira daquele paciente, que demandará um tempo maior para que o médico possa conhecer a pessoa e a situação, um retorno ou uma consulta de rotina. É importante destacar na agenda cada tipo, o que permitirá prever quanto tempo aproximadamente ela vai durar. Se possível, intercale primeiras consultas e as de rotina, para que haja equilíbrio e o tempo seja melhor aproveitado.

Pense na rotina

Para a organização da agenda médica de um consultório, é preciso levar em conta vários fatores:

  • Quanto tempo o médico leva de casa até o consultório;
  • Quanto tempo dura seu horário de almoço;
  • Quantas pausas entre os atendimentos são necessárias e a duração delas.
  • Quanto tempo dura uma primeira consulta e um acompanhamento, ou retorno

Tendo isso em mente, será possível definir quantas consultas podem ser agendadas diariamente.

Em um primeiro momento, pode-se pensar que quanto mais consultas feitas em um dia, melhor, já que será mais dinheiro entrando para o consultório. Mas se um paciente sentir que foi atendido com pressa ou sem a atenção que ele gostaria de ter recebido, dificilmente retornará ou indicará o médico para outra pessoa. Consultas agendadas para um curto intervalo de tempo pode resultar também em atrasos, caso haja algum imprevisto, o que sem dúvidas gera uma impressão ruim.

Use a tecnologia a seu favor

Substituir a agenda de papel por uma online certamente é o passo mais eficiente rumo à organização. Por meio de softwares de gestão e aplicativos, é possível acessá-la online de qualquer smartphone, computador ou dispositivo que tenha conexão com a internet, o que permite acesso seguro e prático de qualquer lugar.

Além de facilitar a verificação de horários disponíveis, remarcações e cancelamentos, os dados dos pacientes ficam registrados em cadastros nestes sistemas, o que faz com que as próximas marcações sejam muito mais ágeis e inteligentes.

A vantagem que vem com a tecnologia se estende também aos próprios pacientes, que não precisam gastar tempo e dinheiro telefonando para agendar suas consultas. Por meio de um cadastro, eles poderão acessar a agenda médica por meio de login e senha, encontrar os horários disponíveis e marcar seu atendimento.

Por fim, alguns sistemas, como o da Ouro Time, possuem a opção de enviar automaticamente mensagem ou e-mail para os pacientes para lembrá-los das consultas, o que diminui consideravelmente a taxa de não comparecimento, que geralmente ocorre por simples esquecimento.

Adotando todas essas práticas, é possível ter uma agenda organizada, otimizar a rotina de atendimento, evitar faltas e deixar os pacientes muito mais satisfeitos.

Gostou das nossas dicas de organização da agenda médica? Compartilhe o post em suas redes sociais para que mais gente tenha acesso a elas.